Um balanço de 2011

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Um balanço de 2011

Mensagem por Cássia em Seg Dez 26, 2011 9:44 pm

Criei o tópico para que pudéssemos fazer uma avaliação das melhores e piores leituras do ano.

Bem, eu diria que os melhores livros que li esse ano foram:

1. As ondas, Woolf
2. Memórias do subsolo, Dostó
3. As armas secretas, Cortázar
4. Vestido de Noiva, Nelsinho
5. Elogio da madrasta, Vargas Llosa
6. As três irmãs, Tchekhov
7. Histórias extraordinárias, Poe
8. A pomba, Süskind
9. Valsa nº 6, Nelsinho (obrigada, Mat I love you )
10. O alienista, Machado
11. Água viva, Lispector
12. Elas gostam de apanhar, Nelsinho
13. Cenas da vida na aldeia, Amós Oz
14. Macbeth, Shakespeare
15. Contos de Bélkin, Pushkin
16. O jardim secreto, Frances Hodgson Burnett
17. O guia do mochileiro das galáxias, Douglas Adams
18. O dom do crime, Marco Lucchesi
19. Carrie, a estranha, King
20. Orgulho e preconceito, Austen


Os piores:

1. Meu pé de laranja lima, José Mauro de Vasconcelos
2. Carne em delírio, Cassandra Rios
3. Elza, a garota, Sérgio Rodrigues
4. Entrevista com o vampiro, Anne Rice
5. O ladrão de raios, Riordan
6. O mar de monstros, Riordan
7. O símbolo perdido, Dan Brown
8. Café preto, Agatha Christie

Cássia
A Senhoria
A Senhoria

Mensagens : 409
Data de inscrição : 13/10/2011
Idade : 29
Localização : Teresina

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um balanço de 2011

Mensagem por Mat em Seg Dez 26, 2011 10:16 pm

De nada Cássia! <3

Tenho que parar pra pensar nessa listinha, depois posto.


Mat
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 2968
Data de inscrição : 12/07/2011
Idade : 26
Localização : Bahia

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um balanço de 2011

Mensagem por Jabá em Ter Dez 27, 2011 1:02 pm

LISTÉNHAS! cheers

Terminando de ler o último livro do ano posto aqui. Basketball

_________________
"Os livros que o mundo chama de imorais são os livros que mostram ao mundo a sua própria vergonha" (Oscar Wilde)

Jabá
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 3734
Data de inscrição : 06/09/2011
Idade : 36
Localização : Teresina/PI

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um balanço de 2011

Mensagem por Gourmet em Ter Dez 27, 2011 1:35 pm

2011 é um ano de que não me orgulho. Fui um sujeito medíocre, me apequenei, li pouco, me prostitui como ghostwriter, fiascos sentimentais e trapaças amorosas. Onde as coisas puderam dar errado, deram.

Além dos Rubem Fonseca que leio continuamente, prossegue a leitura de Crime e Castigo, Complexo de Portnoy continua interrompido, duas biografias de Alexandre o Grande consumidas, meu retorno aos quadrinhos, um pouco de Murilo Rubião, três livros do George Martin, Palácio dos Sonhos do Kadaré, um pouco de mitologia - como todo ano tem sido, leituras sobre ateísmo. Entre os fiascos, Neil Gaiman com Deuses Americanos.

Gourmet
A Senhoria
A Senhoria

Mensagens : 665
Data de inscrição : 20/09/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um balanço de 2011

Mensagem por Érika Donin em Ter Dez 27, 2011 8:57 pm

2011 pra mim foi o ano de ler livros que eu sempre quis, mas nunca tinha encontrado até visitar a parte dos pocket de cinco pila da cultura...

Érika Donin
A Dama do Cachorrinho
A Dama do Cachorrinho

Mensagens : 120
Data de inscrição : 22/07/2011
Idade : 21
Localização : Porto Alegre

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um balanço de 2011

Mensagem por Jabá em Ter Dez 27, 2011 10:26 pm

Gourmet escreveu:2011 é um ano de que não me orgulho. Fui um sujeito medíocre, me apequenei, li pouco, me prostitui como ghostwriter, fiascos sentimentais e trapaças amorosas. Onde as coisas puderam dar errado, deram.

Sempre fã dos posts do Gourmetzaço. IDULUH! Laughing

Gourmet escreveu:Além dos Rubem Fonseca que leio continuamente, prossegue a leitura de Crime e Castigo, Complexo de Portnoy continua interrompido mimimimi...

Esse tenho que ler urgente depois que o Zeca, protagonista de PORNOPOPÉIA deixou a cocaina de lado pra varar a noite lendo.

Edit: Qual sua edição? Quero uma boa em termos de tradução e qualidade.


_________________
"Os livros que o mundo chama de imorais são os livros que mostram ao mundo a sua própria vergonha" (Oscar Wilde)

Jabá
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 3734
Data de inscrição : 06/09/2011
Idade : 36
Localização : Teresina/PI

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um balanço de 2011

Mensagem por Gourmet em Ter Dez 27, 2011 11:13 pm

Jabonsky, eu tenho a edição da Cia das Letras traduzida pelo Paulo Henriques Brito. Um amigo meu tem essa e a original e disse que há diversas coisas que o tradutor sonegou. Não sei se há outra tradução, mas quanto a essa, é melhor ter o pé atrás.

Gourmet
A Senhoria
A Senhoria

Mensagens : 665
Data de inscrição : 20/09/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um balanço de 2011

Mensagem por Jabá em Qua Dez 28, 2011 6:54 am

Gourmet escreveu:Jabonsky, eu tenho a edição da Cia das Letras traduzida pelo Paulo Henriques Brito. Um amigo meu tem essa e a original e disse que há diversas coisas que o tradutor sonegou. Não sei se há outra tradução, mas quanto a essa, é melhor ter o pé atrás.

Obrigado pela dica. Talvez essa seja a melhor edição e mais atual já que encontrei edições datadas de 1969!

_________________
"Os livros que o mundo chama de imorais são os livros que mostram ao mundo a sua própria vergonha" (Oscar Wilde)

Jabá
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 3734
Data de inscrição : 06/09/2011
Idade : 36
Localização : Teresina/PI

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um balanço de 2011

Mensagem por Karenina em Qui Dez 29, 2011 3:42 pm

Esse tópico é especial pro Jabá.

Karenina
Crime e Castigo
Crime e Castigo

Mensagens : 870
Data de inscrição : 19/09/2011
Idade : 28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um balanço de 2011

Mensagem por Becco em Qui Dez 29, 2011 7:15 pm

Como não faço listénhas, não lembro dos livros que eu li esse ano, alguns deles estão no tópico da última leitura.

Mas os melhores foram os 7 livros que li do Roberto Bolaño [com destaque para 2666, o melhor do ano!] e os 8 do Tchékhov, sem falar no Bulgákov, que descobri agora em dezembro.


_________________

Becco
Dostoiévski
Dostoiévski

Mensagens : 2504
Data de inscrição : 11/07/2011
Idade : 37
Localização : Fortaleza - CE

Ver perfil do usuário http://literaturarussa.forumeiros.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um balanço de 2011

Mensagem por Cássia em Qui Dez 29, 2011 7:17 pm

Também não tenho paciência pra fazer listas, mas o skoob faz isso automaticamente.

Cássia
A Senhoria
A Senhoria

Mensagens : 409
Data de inscrição : 13/10/2011
Idade : 29
Localização : Teresina

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um balanço de 2011

Mensagem por tmanfrini em Qui Dez 29, 2011 7:40 pm

Cássia escreveu:Também não tenho paciência pra fazer listas, mas o skoob faz isso automaticamente.
A minha impressão é que ele só registra os títulos que chegam a ser colocados como "lendo".

tmanfrini
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 1513
Data de inscrição : 29/09/2011
Idade : 24
Localização : Navegantes - SC

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um balanço de 2011

Mensagem por Cássia em Qui Dez 29, 2011 8:12 pm

tmanfrini escreveu:
Cássia escreveu:Também não tenho paciência pra fazer listas, mas o skoob faz isso automaticamente.
A minha impressão é que ele só registra os títulos que chegam a ser colocados como "lendo".

Ele salva todos os livros lidos durante o ano. É só clicar no link que aparecem apenas os livros lidos no ano de 2011, por exemplo.

Cássia
A Senhoria
A Senhoria

Mensagens : 409
Data de inscrição : 13/10/2011
Idade : 29
Localização : Teresina

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um balanço de 2011

Mensagem por Becco em Qui Dez 29, 2011 8:34 pm

Pourra! Tinha esquecido completamente do Skoob.
Vou atualizar os títulos lá e adicionar vocês duas!

_________________

Becco
Dostoiévski
Dostoiévski

Mensagens : 2504
Data de inscrição : 11/07/2011
Idade : 37
Localização : Fortaleza - CE

Ver perfil do usuário http://literaturarussa.forumeiros.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um balanço de 2011

Mensagem por tmanfrini em Sex Dez 30, 2011 1:53 am

Um top 10 então -

; ;

; ;

; [diários];

; ;

; ;


Mas, Cássia, o Skoob mente. Por exemplo Aura do Carlos Fuentes é um dos que li esse ano e que não se encontram na lista.

tmanfrini
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 1513
Data de inscrição : 29/09/2011
Idade : 24
Localização : Navegantes - SC

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um balanço de 2011

Mensagem por Cássia em Sex Dez 30, 2011 6:58 am

Isso é porque a data de conclusão da leitura deve estar incorreta ou "em branco". Eu olhei o livro na tua estante, não tem histórico de leitura. Quando você atualiza como lido apenas pelo histórico, ele já vai pra estante de lidos com a data certinha. Mas se você não faz isso, ele fica solto na estante. Tem de ir na página do livro na tua estante e colocar a data.

Cássia
A Senhoria
A Senhoria

Mensagens : 409
Data de inscrição : 13/10/2011
Idade : 29
Localização : Teresina

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um balanço de 2011

Mensagem por Jabá em Sex Dez 30, 2011 7:07 am



Do que se trata? Interessa-me.

_________________
"Os livros que o mundo chama de imorais são os livros que mostram ao mundo a sua própria vergonha" (Oscar Wilde)

Jabá
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 3734
Data de inscrição : 06/09/2011
Idade : 36
Localização : Teresina/PI

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um balanço de 2011

Mensagem por tmanfrini em Sex Dez 30, 2011 1:46 pm

Cássia escreveu:Isso é porque a data de conclusão da leitura deve estar incorreta ou "em branco". Eu olhei o livro na tua estante, não tem histórico de leitura. Quando você atualiza como lido apenas pelo histórico, ele já vai pra estante de lidos com a data certinha. Mas se você não faz isso, ele fica solto na estante. Tem de ir na página do livro na tua estante e colocar a data.
Não me ligo assim nisso. Só esclarecendo. Tenho certeza que li mais de cinquenta e oito livros esse ano.

Jabá escreveu:

Do que se trata? Interessa-me.

Cheguei a postar início no tópico de Começos inesquecíveis, mas depois apaguei ao notar que a proposta do tópico era de poucas palavras. Aí vai -
MANFREDO. Importa encher de novo esta candeia.
Nem basta, enquanto velo, a sua chama.
Não são de sono os sonhos que me assaltam —
Prolongam só a dor do pensamento
A que sou incapaz de resistir.
Coração vigilante, quando cerro os olhos
É num olhar por dentro; porém vivo,
E tenho o aspecto e a forma de outros homens.
Deviam os sábios aprender a dor;
Sofrer é saber; e quem mais souber
Mais tem de lamentar a verdade fatal:
A árvore do saber não é a da Vida.
Filosofia, ciências, fontes de prodígio,
Todo o saber do mundo já tentei,
E pelo poder da mente tudo domino —
De nada me serviu! Fui benfeitor dos homens
E até entre eles o bem eu encontrei.
De nada me serviu! E até dos meus rivais
Nenhum me confundiu e muitos derrotei.
De nada me serviu! O bem, o mal, a vida,
Poder, paixões que noutros seres descubro
São, para mim, qual chuva sobre areia,
Desde aquela hora inominada. Nenhum receio
Tenho. Foi maldição eu não sentir temor,
Nem alvoroço, nem vibração de anseios, insuspeitado amor às coisas deste mundo.
Cumprirei minha missão. —
Mistérios poderosos!
Vinde vós, gênios do vasto Universo
Que procurei nas trevas e na luz —
Vós que envolveis a terra e habitais
A mais subtil essência, e tendes por refúgio
O cume inacessível das montanhas,
As grutas da terra, as furnas do mar,
Eu vos invoco, em mágica palavra,
Que sobre vós me dá poder. Erguei-vos! Surgi! [Pausa
Não vieram ainda. — Pela voz de quem
Dentre vós é o primeiro, por este sinal
Que todos faz tremer, pelo nome daquele
Que é imortal. — Erguei-vos! Surgi! Surgi! [Pausa
Pois, se é assim — Espíritos da terra e do ar,
De mim não fugireis. Pelo poder
Maior que tudo o resto, encanto irresistível
Numa estrela de perdição nascido,
Despojo ardente de algum mundo extinto,
Errante inferno no eterno espaço;
Pela maldição suprema que me pesa na alma,
Pelo que pensa em mim e ao meu redor,
Ordeno. Obedecei! Vinde! Surgi!

[Vê-se uma estrela ao fundo mais escuro da galeria; está imóvel; ouve-se uma voz cantar]

Spoiler:
PRIM. ESPÍRITO
Mortal! A tua ordem submisso,
Venho da mansão nas nuvens,
Feita nos ares do crepúsculo,
Dourada, no estio, por poentes,
Com púrpura e azul
Mesclados em minha morada.
Talvez seja interdita tua busca,
Vim cavalgando estrela cintilante,
A tuas ordens submetido.
Mortal — seja teu desejo revelado!

SEG. ESPÍRITO
Monte Branco, monarca das montanhas,
Por elas coroado há longo tempo, Manto de nuvens, trono de rochedo,
Diadema de neves adornado,
Tem bosques enlaçados na cintura,
Em suas mãos detém a Avalancha;
E, antes de tombar, o globo retumbante
Queda-se, aguardando ordem minha.
A massa do Glaciar, fria, agitada,
Dia após dia, avança;
Mas sou eu quem a manda adiantar
Ou ficar sustida pelo gelo.
O gênio do lugar sou eu;
À ordem minha inclina-se a montanha, Tremendo nas cavernas do sopé.
De mim o que será que tu queres?

TER. ESPÍRITO
Nas águas profundas de azul
Onde nem ondas se agitam,
Nem o vento se conhece,
Vive a serpente marinha,
Onde a Sereia ornamenta
De conchas verde cabelo;
Qual tormenta à flor das águas
Chegou teu som encantado;
Meu Palácio de Coral
Ressoou em ecos fundos —
Ao Espírito Oceano
Vem revelar teu anseio!

QUAR. ESPÍRITO
Onde o sismo, entorpecido,
Repousa em leito de fogo, E charcos betuminosos
Vão borbulhando em fervura; Onde as raízes dos Andes
Na terra se cravam fundas, Erguendo cumes aos céus,
Elevados, altaneiros; Deixei o lugar natal,
Para acatar tuas ordens — Vencido por teu encanto,
O teu desejo me guia!

QUINTO ESPÍRITO
Eis-me aqui, corcel do vento,
Agitando a tempestade; Passei por um furacão
Ardendo ainda em meus raios;
Em resposta à tua voz,
Sobre praias, sobre mares,
Sobre vendavais voei.
Singrava uma frota a vela
Que em breve irá naufragar.

SEX. ESPÍRITO
Habito as trevas da noite.
Na luz da tua magia
Porque me vens torturar?

SÉT. ESPÍRITO
Antes da criação, reinava eu
Sobre a estrela que rege o teu destino;
Nunca outro mundo mais puro ou sublime
Nos ares girou na órbita do sol;
Tinha o seu curso livre e regular,
Nenhum mais belo o espaço abrigava.
Quando a hora soou — ei-lo tornado
Massa errante de chamas sem ter forma,
Cometa vagabundo, maldição
Ameaçando o universo inteiro.
Por sua inata força, ia girando,
Sem curso, nem esfera, desregrado,
Disforme a sua luz no firmamento,
Terrível monstro do mais alto céu!
E tu! Nascido sob tal domínio,
Tu, verme desprezível, que me tens
Sujeito a um poder (que não é teu
E que tu só deténs para seres meu) Vem descendo por este breve instante, Onde espíritos fracos se inclinam
E com um ser debatem como tu —
Criatura do Pó, o que pretendes?

OS SETE ESPÍRITOS
O oceano, a terra, montes e noite,
O ar, o vento, o astro do destino,
Criatura do Pó, esperam tuas ordens! Aqui nos tens, espíritos invocados —
Nascido de Mortais, o que nos queres?

MANFREDO. O esquecimento quero.

PRIM. ESPÍRITO. Esquecer o quê? Ou quem? Porquê?

MANFREDO. O que trago comigo. Em mim o podeis ler;
Bem o sabeis — não posso revelar.

ESPIRITO. Só podemos doar o que for nosso.
Pede vassalos, soberania, império
Na terra — inteira ou não — ou um sinal
Que domine os elementos, por nós
Mesmos governados, e qualquer poder
(Ou tudo isso) teu será.

MANFREDO. Esquecer, esquecer-me de mim —
Não podeis extrair o que vos peço
Das paragens ocultas e secretas
Que com tal profusão me ofereceis?

ESPÍRITO. Não está essa virtude em nossa essência;
Mas — podes, talvez, morrer.

MANFREDO. Concede a minha morte esquecimento?

ESPÍRITO. Nós somos imortais e não esquecemos;
Somos eternos; tal como o futuro,
Passado é, para nós, presente — esta a resposta.

MANFREDO. De mim escarneceis; mas quem vos conduziu
A mim vos submeteu. Obedecei-me, então!
A mente, a alma, centelha de Prometeu,
O fulgor do meu ser é tão brilhante,
Tanto alastra e penetra como o vosso,
Feito de pó embora, a vós não cederei!
Quem sou, mostrar-vos-ei, se vos calardes.

tmanfrini
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 1513
Data de inscrição : 29/09/2011
Idade : 24
Localização : Navegantes - SC

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um balanço de 2011

Mensagem por Cássia em Sex Dez 30, 2011 2:02 pm

tmanfrini escreveu:
Não me ligo assim nisso. Só esclarecendo. Tenho certeza que li mais de cinquenta e oito livros esse ano.

Eu sei. Só expliquei como funciona.

Cássia
A Senhoria
A Senhoria

Mensagens : 409
Data de inscrição : 13/10/2011
Idade : 29
Localização : Teresina

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um balanço de 2011

Mensagem por tmanfrini em Sex Dez 30, 2011 3:57 pm

Cássia escreveu:
tmanfrini escreveu:
Não me ligo assim nisso. Só esclarecendo. Tenho certeza que li mais de cinquenta e oito livros esse ano.

Eu sei. Só expliquei como funciona.
Curto registrar no Skoob, mas mais na medida em que a nota me dará alguma luz pertinente (Quote e pontes conceituais por exemplo).

tmanfrini
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 1513
Data de inscrição : 29/09/2011
Idade : 24
Localização : Navegantes - SC

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um balanço de 2011

Mensagem por Jabá em Sex Dez 30, 2011 4:09 pm

Poxa, thaís, 58 livros? Afe! Shocked

Bom, segue aí minha humilde listénha. Depois traço algumas estatísticas e faço um balanço geral das leituras, porque agora vou fazer a barba, passar aquele Avon e sair pra mamar numa breja, comer espetinhos e quem sabe alguma xoxotinha que esteja de bobeira por aí.





_________________
"Os livros que o mundo chama de imorais são os livros que mostram ao mundo a sua própria vergonha" (Oscar Wilde)

Jabá
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 3734
Data de inscrição : 06/09/2011
Idade : 36
Localização : Teresina/PI

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um balanço de 2011

Mensagem por Cássia em Sex Dez 30, 2011 4:11 pm

E eu pensando que era psicótica em classificar as coisas. O Jabá é assustador.

O máximo que tenho é o skoob e um programinha pra catalogar minha humilde biblioteca.

Cássia
A Senhoria
A Senhoria

Mensagens : 409
Data de inscrição : 13/10/2011
Idade : 29
Localização : Teresina

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um balanço de 2011

Mensagem por tmanfrini em Sex Dez 30, 2011 4:52 pm

Cássia escreveu:E eu pensando que era psicótica em classificar as coisas. O Jabá é assustador.

O máximo que tenho é o skoob e um programinha pra catalogar minha humilde biblioteca.
Qual programinha?
Meus planos são de arrumar os livros de acordo com a nacionalidade. Mas careço de melhor espaço.

Dos que o Jabá postou me chamaram a atenção o Mário de Andrade e os contos de 1973.

tmanfrini
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 1513
Data de inscrição : 29/09/2011
Idade : 24
Localização : Navegantes - SC

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um balanço de 2011

Mensagem por Cássia em Sex Dez 30, 2011 5:01 pm

tmanfrini escreveu:
Cássia escreveu:E eu pensando que era psicótica em classificar as coisas. O Jabá é assustador.

O máximo que tenho é o skoob e um programinha pra catalogar minha humilde biblioteca.
Qual programinha?
Meus planos são de arrumar os livros de acordo com a nacionalidade. Mas careço de melhor espaço.

Dos que o Jabá postou me chamaram a atenção o Mário de Andrade e os contos de 1973.

Libra.

Cássia
A Senhoria
A Senhoria

Mensagens : 409
Data de inscrição : 13/10/2011
Idade : 29
Localização : Teresina

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um balanço de 2011

Mensagem por Jabá em Sab Dez 31, 2011 12:05 pm





_________________
"Os livros que o mundo chama de imorais são os livros que mostram ao mundo a sua própria vergonha" (Oscar Wilde)

Jabá
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 3734
Data de inscrição : 06/09/2011
Idade : 36
Localização : Teresina/PI

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um balanço de 2011

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 8:55 pm


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum