Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Página 5 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por Becco em Sex Set 14, 2012 2:57 pm

Laughing Laughing Laughing

_________________

Becco
Dostoiévski
Dostoiévski

Mensagens : 2504
Data de inscrição : 11/07/2011
Idade : 37
Localização : Fortaleza - CE

Ver perfil do usuário http://literaturarussa.forumeiros.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por lavoura em Sex Set 14, 2012 6:13 pm

Jabá escreveu:
lavoura escreveu:Consegui bolar um mini-conto/crônica.
É o primeiro que consigo ir além do primeiro parágrafo.
Agora estou tentando colocar o computador na gaveta, pois li que é bom deixar o conto amadurecer dentro dela.
Mas não tá cabendo.
Basketball

Enfia no cu que amadurece mais rápido. Very Happy

Nada como a experiência.
Só fico imaginando como você fazia quando só tinha Desktop e não os notebook.
Fisting extremo...

Lembrei de uma citação do Pynchon Laughing

Um pão que teria flutuado em um vaso de porcelana em algum lugar,sem quem o visse, sem quem o provasse - assado no amargo Forno intestinal, transformando-se no pão que conhecemos, pão leve como o convorto doméstico, secreto como a morte na cama...

Bleerg :emotion gorfando: elephant

lavoura
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 2348
Data de inscrição : 26/06/2012
Idade : 28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por Mat em Sab Set 15, 2012 10:29 am

Essa parte é um nojo mesmo.
Leia Psychopathia Sexualis do Krafft-Ebing.

Mat
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 2968
Data de inscrição : 12/07/2011
Idade : 26
Localização : Bahia

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por lavoura em Ter Set 18, 2012 10:00 am

Pois é, eu fiquei me perguntando se o Pynchon não é adepto da cropofagia.

lavoura
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 2348
Data de inscrição : 26/06/2012
Idade : 28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por lavoura em Qua Set 19, 2012 2:00 pm

Era uma vez um 400° Post.
Spoiler:

Era um bar, daqueles onde o pote de ovos em conserva tem a mesma água desde a inauguração. Os ovos cozidos que ali mergulham, sofrem praticamente uma transmutação, a gema depois de uma fissão núcleovular, funde-se com a clara cozida em um estranho estado físico da matéria entre o sólido e o líquido. Fenômeno que colocaria físicos e alquimistas em comum acordo quanto a teoria da transmutação de elementos. Este bar ,era também famoso pelos torresmos crocantes e peludos,os torresmos eram tão cabeludos que era possível leva-los a boca só segurando nos capilares de sua crosta. Os torresmos, pelo menos, eram consumidos, já os ovos eram meramente enfeites, aqueles ovos deviam ser tão hepatotóxico, que caso alguém sobrevivesse após a ingestão e digestão necessitaria de um transplante de fígado urgentemente.
Mas os ovos e torresmos não importam para o desfecho da história. O fato é que neste bar,dois amigos conversam, enquanto petiscam, sobre um curioso assunto, descrito nesse simplório dialogo:
-Cara você viu, assassinaram aquele coitado com uma vaca!

-O que!? Com uma vaca? Você quer dizer faca, né?

-Não cara!Com uma vaca mesmo, ele foi apunhalado pelas costas.

-Você não tinha resolvido esse seu problema de dislexia?Tem certeza que não quer dizer faca?

- Não, eu resolvi sim, só troco as palavras quando estou nervoso. É uma vaca mesmo. Assassinado por uma vaca, inacreditável isso.

- Pois é, mas como foi isso? A vaca atirou nele?

- Para, rapaz isso é sério, segundo os boatos enquanto ele estava caminhando lá na estrada vicinal alguém chegou por trás e apunhalou ele com a vaca.

-Puta que pariu! Eu estava quase acreditando que a “vaca” era de fato um bovino. To falando, você precisa melhorar essa tua dislexia, ta confundindo o éfe com o vê, o vê com o éfe! Qualquer dia se vai dizer umas besteiras para alguém. Imagina?

- Mas é vaca mesmo, vaca boi, gado, bicho ruminante que masca o dia todo e tem quatro estômagos, por isso que eu falei é inacreditável, beira o absurdo não?

-Aqui no bar mesmo, vai querer dizer para fazer um “fiadinho” e vai dizer, faz um viadinho!

-Eu não troco mais as palavras, só quando to nervoso! É só você parar de fazer isso, que eu não vou ficar nervoso! É uma vaca, essas que tem várias tetas.

-Certo! Relevemos a brincadeira, não quero deixá-lo nervoso. Você disse que ele foi apunhalado por uma vaca, então não foi a vaca a assassina do crime e sim quem empunhava a vaca, correto?

-Não a assassina foi a vaca. Foi ela quem de fato feriu e matou o dito cujo.

-Mas se tomarmos essa idéia como correta, dificilmente um ser humano matará outro. Porque segundo sua lógica se um meliante A atira na vitima B, quem é o assassino da história é o projétil do revolver! E não o meliante.

-Não, não concordo. Segundo meus conceitos a vaca é a assasina por ser um ser vivo,no caso da tua suposição a bala é um ser inanimado, então o responsável pelo assassinato do pobre sujeito é a vaca!

-Mas por sua lógica, se eu te empurrar de um prédio e você cair em cima de um terceiro. A culpa será exclusivamente sua.

-Exatamente, pois enquanto eu desabava prédio abaixo, poderia tentar desviar e atingir o chão ou me agarrar em algo.

-Tua lógica é horrível! Além de disléxico tem um pensamento totalmente desconexo, ilógico aos padrões! Mas já que não me surpreendi de alguém empunhar uma vaca. Então prossigamos.

- Certo, vamos prosseguir.

-Bom considerando o absurdo da vaca ser assassina. Eu tomo para mim a defesa da vaca. Você já parou para pensar que ela é um ser irracional, que enquanto estava sendo estocada, nem passou pela cabeça dela que ela poderia desfiar do alvo?

-Cara eu usei apunhalar como figura de linguagem, ninguém sabe como aconteceu realmente. Estamos supondo.

- Então, se ninguém sabe como acusam a vaca de assassina?

- Ela foi encontrada com mancha de sangue nas extremidades e o sujeito com uma perfuração na altura das omoplatas.

-Extremidades? Então é uma faca né? Só para saber que você não ta trocando as bolas, fala para mim, vacafacavacafacavacafaca.

-Não vou falar isso.

- Não estou dizendo. Desde o princípio foi tudo um equivoco! Você deve ter lido errado, ao invés de faca leu vaca. E a gente aqui, perdendo tempo divagando sobre uma vaca assassina.

- Vacavacavacavacavacavaca! Ta feliz agora ? Viu to falando certo.

-Realmente, você não trocou letra alguma.

-Tá vendo.

- A Vara fodeu a vaca do visconde feio, quando a fada viu a foca fofocar falácias.

-Que? Que se ta falando?

-Repete

-Não vou repetir isso, eu nem lembro o que você disse.

- A Vara...vamos, eu te conheço, se tem ótima memória.

- A vara vodeu a vaca do visconde veio, quando a vada viu a voca vovocar.


- Nem discuto mais! Você confundiu tudo! O sujeito morreu de facada e não de vacada como você queria que eu acreditasse.Não é culpa sua, você só leu errado! Vacada!!

-Você ta me deixando nervoso! Eu li certo é vaca mesmo, não vaca de cortar!

- Então fala faca.

-Não.

-Não oque?

-Não vou “valar” nada.

-Tá vendo, fala faca afiada.

-Você me enche o saco, nem sei porque sou teu amigo. Vaca aviada, Ffaffav Vaca afviada. Seu vilho duma égua!

Depois da estática do ar se dissipar e alguns instantes de silêncio eles tornam a prosear:

-Deixa disso, estava só pegando no seu pé, Vamos pedir uma porção de Vritas pra acompanhar a cerveja?

-Porção de que ? Você está tirando uma com minha cada de novo ?

-To sim, mas peça “ai”,mais uma cerveja e uma porção de fritas.

-Ok. O garçom vê aqui pra gente mais uma gelada e uma porção de Vritas!

lavoura
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 2348
Data de inscrição : 26/06/2012
Idade : 28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por Jabá em Qua Set 19, 2012 8:01 pm

lavoura escreveu: Era uma vez um 400° Post.
Spoiler:

Era um bar, daqueles onde o pote de ovos em conserva tem a mesma água desde a inauguração. Os ovos cozidos que ali mergulham, sofrem praticamente uma transmutação, a gema depois de uma fissão núcleovular, funde-se com a clara cozida em um estranho estado físico da matéria entre o sólido e o líquido. Fenômeno que colocaria físicos e alquimistas em comum acordo quanto a teoria da transmutação de elementos. Este bar ,era também famoso pelos torresmos crocantes e peludos,os torresmos eram tão cabeludos que era possível leva-los a boca só segurando nos capilares de sua crosta. Os torresmos, pelo menos, eram consumidos, já os ovos eram meramente enfeites, aqueles ovos deviam ser tão hepatotóxico, que caso alguém sobrevivesse após a ingestão e digestão necessitaria de um transplante de fígado urgentemente.
Mas os ovos e torresmos não importam para o desfecho da história. O fato é que neste bar,dois amigos conversam, enquanto petiscam, sobre um curioso assunto, descrito nesse simplório dialogo:
-Cara você viu, assassinaram aquele coitado com uma vaca!

-O que!? Com uma vaca? Você quer dizer faca, né?

-Não cara!Com uma vaca mesmo, ele foi apunhalado pelas costas.

-Você não tinha resolvido esse seu problema de dislexia?Tem certeza que não quer dizer faca?

- Não, eu resolvi sim, só troco as palavras quando estou nervoso. É uma vaca mesmo. Assassinado por uma vaca, inacreditável isso.

- Pois é, mas como foi isso? A vaca atirou nele?

- Para, rapaz isso é sério, segundo os boatos enquanto ele estava caminhando lá na estrada vicinal alguém chegou por trás e apunhalou ele com a vaca.

-Puta que pariu! Eu estava quase acreditando que a “vaca” era de fato um bovino. To falando, você precisa melhorar essa tua dislexia, ta confundindo o éfe com o vê, o vê com o éfe! Qualquer dia se vai dizer umas besteiras para alguém. Imagina?

- Mas é vaca mesmo, vaca boi, gado, bicho ruminante que masca o dia todo e tem quatro estômagos, por isso que eu falei é inacreditável, beira o absurdo não?

-Aqui no bar mesmo, vai querer dizer para fazer um “fiadinho” e vai dizer, faz um viadinho!

-Eu não troco mais as palavras, só quando to nervoso! É só você parar de fazer isso, que eu não vou ficar nervoso! É uma vaca, essas que tem várias tetas.

-Certo! Relevemos a brincadeira, não quero deixá-lo nervoso. Você disse que ele foi apunhalado por uma vaca, então não foi a vaca a assassina do crime e sim quem empunhava a vaca, correto?

-Não a assassina foi a vaca. Foi ela quem de fato feriu e matou o dito cujo.

-Mas se tomarmos essa idéia como correta, dificilmente um ser humano matará outro. Porque segundo sua lógica se um meliante A atira na vitima B, quem é o assassino da história é o projétil do revolver! E não o meliante.

-Não, não concordo. Segundo meus conceitos a vaca é a assasina por ser um ser vivo,no caso da tua suposição a bala é um ser inanimado, então o responsável pelo assassinato do pobre sujeito é a vaca!

-Mas por sua lógica, se eu te empurrar de um prédio e você cair em cima de um terceiro. A culpa será exclusivamente sua.

-Exatamente, pois enquanto eu desabava prédio abaixo, poderia tentar desviar e atingir o chão ou me agarrar em algo.

-Tua lógica é horrível! Além de disléxico tem um pensamento totalmente desconexo, ilógico aos padrões! Mas já que não me surpreendi de alguém empunhar uma vaca. Então prossigamos.

- Certo, vamos prosseguir.

-Bom considerando o absurdo da vaca ser assassina. Eu tomo para mim a defesa da vaca. Você já parou para pensar que ela é um ser irracional, que enquanto estava sendo estocada, nem passou pela cabeça dela que ela poderia desfiar do alvo?

-Cara eu usei apunhalar como figura de linguagem, ninguém sabe como aconteceu realmente. Estamos supondo.

- Então, se ninguém sabe como acusam a vaca de assassina?

- Ela foi encontrada com mancha de sangue nas extremidades e o sujeito com uma perfuração na altura das omoplatas.

-Extremidades? Então é uma faca né? Só para saber que você não ta trocando as bolas, fala para mim, vacafacavacafacavacafaca.

-Não vou falar isso.

- Não estou dizendo. Desde o princípio foi tudo um equivoco! Você deve ter lido errado, ao invés de faca leu vaca. E a gente aqui, perdendo tempo divagando sobre uma vaca assassina.

- Vacavacavacavacavacavaca! Ta feliz agora ? Viu to falando certo.

-Realmente, você não trocou letra alguma.

-Tá vendo.

- A Vara fodeu a vaca do visconde feio, quando a fada viu a foca fofocar falácias.

-Que? Que se ta falando?

-Repete

-Não vou repetir isso, eu nem lembro o que você disse.

- A Vara...vamos, eu te conheço, se tem ótima memória.

- A vara vodeu a vaca do visconde veio, quando a vada viu a voca vovocar.


- Nem discuto mais! Você confundiu tudo! O sujeito morreu de facada e não de vacada como você queria que eu acreditasse.Não é culpa sua, você só leu errado! Vacada!!

-Você ta me deixando nervoso! Eu li certo é vaca mesmo, não vaca de cortar!

- Então fala faca.

-Não.

-Não oque?

-Não vou “valar” nada.

-Tá vendo, fala faca afiada.

-Você me enche o saco, nem sei porque sou teu amigo. Vaca aviada, Ffaffav Vaca afviada. Seu vilho duma égua!

Depois da estática do ar se dissipar e alguns instantes de silêncio eles tornam a prosear:

-Deixa disso, estava só pegando no seu pé, Vamos pedir uma porção de Vritas pra acompanhar a cerveja?

-Porção de que ? Você está tirando uma com minha cada de novo ?

-To sim, mas peça “ai”,mais uma cerveja e uma porção de fritas.

-Ok. O garçom vê aqui pra gente mais uma gelada e uma porção de Vritas!

Genial. Quero ler mas to com medo pq é spoiler. Rolling Eyes

_________________
"Os livros que o mundo chama de imorais são os livros que mostram ao mundo a sua própria vergonha" (Oscar Wilde)

Jabá
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 3734
Data de inscrição : 06/09/2011
Idade : 36
Localização : Teresina/PI

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por lavoura em Qui Set 20, 2012 3:22 pm









Menção Honrosa:

lavoura
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 2348
Data de inscrição : 26/06/2012
Idade : 28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por Jabá em Qui Set 20, 2012 5:42 pm

Lavoura, li seu conto. Laughing

Tem futuro. Só que particularmente fico impaciente quando vejo muita vírgula onde não devia. Mas não tira o senso de humor da historia Wink

_________________
"Os livros que o mundo chama de imorais são os livros que mostram ao mundo a sua própria vergonha" (Oscar Wilde)

Jabá
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 3734
Data de inscrição : 06/09/2011
Idade : 36
Localização : Teresina/PI

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por Becco em Qui Set 20, 2012 7:19 pm

Eu reviso contos. 20 reais a lauda. Disponha.

_________________

Becco
Dostoiévski
Dostoiévski

Mensagens : 2504
Data de inscrição : 11/07/2011
Idade : 37
Localização : Fortaleza - CE

Ver perfil do usuário http://literaturarussa.forumeiros.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por Jabá em Qui Set 20, 2012 8:27 pm

Lorenzo Becco escreveu:Eu reviso contos. 20 reais a lauda. Disponha.

Por esse preço aí dá pra publicar uma tiragem de 5000 exemplares.

_________________
"Os livros que o mundo chama de imorais são os livros que mostram ao mundo a sua própria vergonha" (Oscar Wilde)

Jabá
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 3734
Data de inscrição : 06/09/2011
Idade : 36
Localização : Teresina/PI

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por lavoura em Sex Set 21, 2012 8:55 am

Eu nem revisei nada, mas tenho proble,mas com vírugla,sempre fico com medo de estar sendo econômico no uso e faço justamente o contrário.
Tenso, isso meu!.
Vou estudar o uso dela porque nem me lembro como é.

lavoura
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 2348
Data de inscrição : 26/06/2012
Idade : 28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por tiago em Sex Set 21, 2012 9:01 am

Legal o conto!

tiago
Crime e Castigo
Crime e Castigo

Mensagens : 849
Data de inscrição : 17/07/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por lavoura em Qui Set 27, 2012 10:40 pm

tpnocera escreveu:Legal o conto!

Poste um seu, comemorando o trezentésimo post.

lavoura
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 2348
Data de inscrição : 26/06/2012
Idade : 28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por lavoura em Seg Out 08, 2012 2:44 pm

Ao 500

lavoura
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 2348
Data de inscrição : 26/06/2012
Idade : 28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por lavoura em Sab Nov 03, 2012 1:05 pm

Pô mano, 700 post!
Acabei de escrever um conto, nem reli. Nem esperei amadurecer e não passei o corretor ortográfico do word nele. Que se foda!
Tenho a desculpa de estar bêbado e todos os erros são justificáveis!

Segue abaixo.

História de um velho bêbado

Lembro de quando era jovem. Jovem e freqüentava o bar da esquina, eu e meus amigos, sempre enforcávamos aula e íamos lá beber algumas cervejas e comprar cigarros, éramos crianças. Mas passávamos ótimas noites lá. Nesse bar, tinha um daqueles velhos loucos. Ninguém o levava a sério, mas ele devia ter sido importante. Fez não sei o que na época da ditadura e também participou de alguma guerra. Ele era velho pertubado , todos os dias tomava uma dose de Gym e o restante em cerveja. Quando já estava bêbado começava a contar histórias de seu tempo. De quando era soldado, de quando torturava terroristas para o exército brasileiro.
Uma vez nos contou uma história bizarra. Serviu não sei onde, devia ser alguma legião de pobres diabos e no meio deles tinha um desses caras com religiões bizarras para nós aqui do ocidente. Esse cara acreditava que cada ato pecaminoso cometido por ele devia ser punido com a mutilação. Um dia em uma operação de um grupo de reconhecimento a um vilarejo de camponeses. O sujeito meteu uma bala em uma senhora que correu para dentro da cabana gritando histéricamente, coisas da guerra, tensão do momento.
Ninguém o julgou, além dele mesmo. E o peso de um inocente nas costas foi demais para ele. Então devido a sua religião ele resolveu amputar a mão do disparo. Mas como o erro havia sido dele, além da mão resolveu cortar logo o braço inteiro como forma de purificação.
Os amigos tentaram dissuadi-lo dessa idéia psicótica. Mas na mesma noite ele se embriagou para tomar coragem e em meio a reflexões e orações de arrependimentos , amarrou o punho a uma arvore de tronco fino e com o outro braço desferiu um golpe de facão um pouco acima do cotovelo e um pouco abaixo do ligamento do ombro, ali no meio do braço, onde ele julgou que o osso seria mais fraco.
Não se sabe como , mas ele conseguiu se separar de seu braço com um golpe só. Todos ficaram impressionados no acampamento. Ele havia feito um corte limpo, o toco de braço sangrava muito, mas ele havia se purificado. Os olhares dos outros soldados tinha uma mistura de repulsa e orgulho. Aquele tipo de olhar que você sente inveja da pessoa pelo que ela fez, mas sabe que nunca faria algo igual.
Quando ele fez uma pausa e parou de contar, todos estávamos tensos, ninguém ali imaginava que aquele velho fosse realmente um ex-soldado. Que tivesse matado gente. Para nós ele só era uma parte do bar. Aquele tipo de bêbado que é parte do bar e o bar é parte dele. Impossível imaginar o bar sem ele.
Logo quando eu ia perguntar se o tal sujeito ficou bem depois disso, se sobreviveu ao ferimento ele continuou a história. Disse que o sujeito após amputar o braço, olhou para todos com uma cara de espanto. Uma cara de choque. Logo depois deu um grito histérico, um grito de louco. Com o braço restante arrancou alguns tufos de cabelos e gritou que tinha amputado o braço errado. Que ao invés de cortar o braço direito, o braço que segurou a pistola , ele havia cortado o braço esquerdo. E portanto ainda estava impuro.
O velho nos disse que alguns soldados, aqueles como o humor negro pendendo para o sadismo, riram muito. Provavelmente achando que se tratava de alguma piada. E ninguém dos presentes tem certeza de como aconteceu , mas o sujeito conseguiu se amarrar com um único braço a árvore e com o punho preso no tronco desferiu outro golpe de facão para amputar o braço culpado do assasinato. E outra vez com um golpe só conseguiu mais uma vez. Amputar o outro braço. Os que riram antes estavam chocados pela frieza do tal sujeito, e os que já estavam chocados antes vomitaram o pouco que tinham no estomâgo. Ninguém mais riu naquela noite. A não ser o sujeito estranho que mesmo com os dois braços amputados e com grande perca de sangue, ria e gritava que estava puro. Que o assassinato já não estava mais em suas mãos.
E foi assim que o velho terminou a história, ninguém teve peito para contestar a veracidade. Ninguém ousou questionar como alguém com um braço só, amarrado a uma árvore consegue se auto amputar. E assim fomos para a casa, cada um de nós pensando se era verdade ou mentira, mas mesmo assim cada um de nós fomos embora com o espírito pertubado.


lavoura
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 2348
Data de inscrição : 26/06/2012
Idade : 28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por Jabá em Dom Nov 04, 2012 9:48 pm

O bagulho tem 207 linhas!

_________________
"Os livros que o mundo chama de imorais são os livros que mostram ao mundo a sua própria vergonha" (Oscar Wilde)

Jabá
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 3734
Data de inscrição : 06/09/2011
Idade : 36
Localização : Teresina/PI

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por Becco em Seg Nov 05, 2012 6:28 am

Lavoura, tá parecendo Bábel. Tem certeza que ainda não leu?

_________________

Becco
Dostoiévski
Dostoiévski

Mensagens : 2504
Data de inscrição : 11/07/2011
Idade : 37
Localização : Fortaleza - CE

Ver perfil do usuário http://literaturarussa.forumeiros.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por lavoura em Seg Nov 05, 2012 11:25 am

Quero Ler esse Mês o Cavalaria.
E comprei aquele Contos Escolhidos, que quero ler os contos da máfia russa.

Na verdade escrevi isso pensando no filme Platoon. Ai juntou a vodca e saiu esse troço que era para ser engraçado. =|

lavoura
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 2348
Data de inscrição : 26/06/2012
Idade : 28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por Jabá em Qui Nov 08, 2012 4:40 pm

Faltam 99 posts para o post 2000. Ninguém vai fazer nada?

Sentem no chão e chorem copiosamente.

Até o Lavoura parou com sua fúria de posts.

Venci!

_________________
"Os livros que o mundo chama de imorais são os livros que mostram ao mundo a sua própria vergonha" (Oscar Wilde)

Jabá
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 3734
Data de inscrição : 06/09/2011
Idade : 36
Localização : Teresina/PI

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por Franz em Qui Nov 15, 2012 7:43 pm

96

Franz
A Dama do Cachorrinho
A Dama do Cachorrinho

Mensagens : 143
Data de inscrição : 23/09/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por Franz em Qui Nov 15, 2012 7:44 pm

97

Franz
A Dama do Cachorrinho
A Dama do Cachorrinho

Mensagens : 143
Data de inscrição : 23/09/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por Franz em Qui Nov 15, 2012 7:44 pm

98

Franz
A Dama do Cachorrinho
A Dama do Cachorrinho

Mensagens : 143
Data de inscrição : 23/09/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por Franz em Qui Nov 15, 2012 7:44 pm

99

Franz
A Dama do Cachorrinho
A Dama do Cachorrinho

Mensagens : 143
Data de inscrição : 23/09/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por Franz em Qui Nov 15, 2012 7:44 pm

100 UHUL! FELIZ ANO NOVO GALERA1!!!

UMA ESTRELA, EU SEMPRE SOUBE QUE ESSE DIA CHEGARIA.

Franz
A Dama do Cachorrinho
A Dama do Cachorrinho

Mensagens : 143
Data de inscrição : 23/09/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por Becco em Qui Nov 15, 2012 9:20 pm

Vou eliminar os seus post claramente feitos com a intenção de floodar e você vai voltar pro 95.

_________________

Becco
Dostoiévski
Dostoiévski

Mensagens : 2504
Data de inscrição : 11/07/2011
Idade : 37
Localização : Fortaleza - CE

Ver perfil do usuário http://literaturarussa.forumeiros.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Meu 100° post!!! 200°, 300°, 400°... 2012!

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 11:29 am


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 5 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum