Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Página 4 de 8 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por Gourmet em Ter Jan 17, 2012 8:11 am

Caros, nos tempos de Crime e Castigo como é a dinâmica das relações familiares? Cheguei no ponto em que Raskol resolve ser contra o casamento da irmã e diz isso para ela.

Na ausência do pai, qual o "poder" do filho mais velho no âmbito da família? Homens e mulheres estão em igual condição ou é sempre o homem que tem a última palavra?

Gourmet
A Senhoria
A Senhoria

Mensagens : 665
Data de inscrição : 20/09/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por Andrei em Ter Jan 17, 2012 8:44 am

Gourmet escreveu:Caros, nos tempos de Crime e Castigo como é a dinâmica das relações familiares? Cheguei no ponto em que Raskol resolve ser contra o casamento da irmã e diz isso para ela.

Na ausência do pai, qual o "poder" do filho mais velho no âmbito da família? Homens e mulheres estão em igual condição ou é sempre o homem que tem a última palavra?


Os livros retratam a sociedadeda época e do lugar (realismo). A Rússia do séc. XIX era, de fato, machista e patriarcal, o que não poderia ser alterado nos romances, como em Crime e Castigo, no qual a mãe e a filha partem para São Petersburgo em busca do consentimento de Ródia para o casamento de Dúnia com o jovem e mal caráter advogado, promessa de estabilidade social e financeira para uma família ofendida (não vou estragar a leitura).

Andrei
Noites Brancas
Noites Brancas

Mensagens : 31
Data de inscrição : 13/01/2012
Idade : 42
Localização : Porto Alegre

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por Gourmet em Sex Jan 20, 2012 9:30 pm

Ler Dostoievski é um delírio. É uma coisa forte, pura, agressiva, capaz de rasgar máscaras. É um tapa bem forte na cara.

"Eu gosto quando mentem! A mentira é o único privilégio humano perante todos os organismos. Quem mente chega à verdade! Minto, por isso sou um ser humano. Nunca se chegou a nenhuma verdade sem antes haver mentido de antemão quatorze, e talvez até cento e quatorze vezes, e isso é uma espécie de honra; mas nós não somos capazes nem de mentir com inteligência! Mente para mim, mas mente a teu modo, e então eu te dou um beijo. Mentir a seu modo é quase melhor do que falar a verdade à moda alheia; no primeiro caso és um ser humano, no segundo, não passas de um pássaro! A verdade não foge e a vida a gente pode segurar com pregos; exemplos houve. E hoje, o que nós fazemos? Todos nós, todos sem exceção, no que se refere à ciência, ao desenvolvimento, ao pensamento, aos inventos, aos ideais, aos desejos, ao liberalismo, à razão, à experiência e tudo, tudo, tudo, tudo, ainda estamos na primeira classe preparatória do colégio! Não é verdade? Não é verdade o que estou falando?"

Gourmet
A Senhoria
A Senhoria

Mensagens : 665
Data de inscrição : 20/09/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por tmanfrini em Sab Jan 21, 2012 7:20 am

Gourmet escreveu:Ler Dostoievski é um delírio. É uma coisa forte, pura, agressiva, capaz de rasgar máscaras. É um tapa bem forte na cara.

"Eu gosto quando mentem! A mentira é o único privilégio humano perante todos os organismos. Quem mente chega à verdade! Minto, por isso sou um ser humano. Nunca se chegou a nenhuma verdade sem antes haver mentido de antemão quatorze, e talvez até cento e quatorze vezes, e isso é uma espécie de honra; mas nós não somos capazes nem de mentir com inteligência! Mente para mim, mas mente a teu modo, e então eu te dou um beijo. Mentir a seu modo é quase melhor do que falar a verdade à moda alheia; no primeiro caso és um ser humano, no segundo, não passas de um pássaro! A verdade não foge e a vida a gente pode segurar com pregos; exemplos houve. E hoje, o que nós fazemos? Todos nós, todos sem exceção, no que se refere à ciência, ao desenvolvimento, ao pensamento, aos inventos, aos ideais, aos desejos, ao liberalismo, à razão, à experiência e tudo, tudo, tudo, tudo, ainda estamos na primeira classe preparatória do colégio! Não é verdade? Não é verdade o que estou falando?"
(Amigo meu acaba de fazer a mesma citação do Razumíkhin) Excelente!

tmanfrini
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 1513
Data de inscrição : 29/09/2011
Idade : 24
Localização : Navegantes - SC

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por Becco em Dom Jan 22, 2012 5:58 am

Gourmet escreveu:"Eu gosto quando mentem! A mentira é o único privilégio humano perante todos os organismos. Quem mente chega à verdade! Minto, por isso sou um ser humano. Nunca se chegou a nenhuma verdade sem antes haver mentido de antemão quatorze, e talvez até cento e quatorze vezes, e isso é uma espécie de honra; mas nós não somos capazes nem de mentir com inteligência! Mente para mim, mas mente a teu modo, e então eu te dou um beijo. Mentir a seu modo é quase melhor do que falar a verdade à moda alheia; no primeiro caso és um ser humano, no segundo, não passas de um pássaro! A verdade não foge e a vida a gente pode segurar com pregos; exemplos houve. E hoje, o que nós fazemos? Todos nós, todos sem exceção, no que se refere à ciência, ao desenvolvimento, ao pensamento, aos inventos, aos ideais, aos desejos, ao liberalismo, à razão, à experiência e tudo, tudo, tudo, tudo, ainda estamos na primeira classe preparatória do colégio! Não é verdade? Não é verdade o que estou falando?"

Não tô dizendo? Foda demais. Dosta eterno no .

_________________

Becco
Dostoiévski
Dostoiévski

Mensagens : 2504
Data de inscrição : 11/07/2011
Idade : 37
Localização : Fortaleza - CE

Ver perfil do usuário http://literaturarussa.forumeiros.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por Jabá em Dom Jan 22, 2012 8:49 am

Já percebi a do Gourmet. Ele quer prolongar a sensação de ler Dosta pelo máximo de tempo possível. Não implicarei mais com o amiche.
E esse trecho é foda mesmo.

_________________
"Os livros que o mundo chama de imorais são os livros que mostram ao mundo a sua própria vergonha" (Oscar Wilde)

Jabá
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 3734
Data de inscrição : 06/09/2011
Idade : 36
Localização : Teresina/PI

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por Gourmet em Dom Jan 22, 2012 10:44 am

A verdade é que eu não posso ler Dostoiévski como se vê um filme, em poucas horas. O livro é muito grandioso e vai se construindo sobre eventos que são irredutíveis, alguns são mínimos mas não poderiam ser suprimidos. Dostoiévski não parece perder tempo com elementos inúteis, e vai plantando sementes ao longo do livro.

Mas o que tem me gratificado mais que tudo são alguns discursos que contêm verdades também irredutíveis, algumas bem pungentes.

Gourmet
A Senhoria
A Senhoria

Mensagens : 665
Data de inscrição : 20/09/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por Becco em Qua Jan 25, 2012 1:09 pm

Gourmet escreveu:A verdade é que eu não posso ler Dostoiévski como se vê um filme, em poucas horas. O livro é muito grandioso e vai se construindo sobre eventos que são irredutíveis, alguns são mínimos mas não poderiam ser suprimidos. Dostoiévski não parece perder tempo com elementos inúteis, e vai plantando sementes ao longo do livro.

É bem isso mesmo. Gourmet nailed Dosta.

_________________

Becco
Dostoiévski
Dostoiévski

Mensagens : 2504
Data de inscrição : 11/07/2011
Idade : 37
Localização : Fortaleza - CE

Ver perfil do usuário http://literaturarussa.forumeiros.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por Gourmet em Sex Fev 03, 2012 5:47 pm

Um tio querido morreu hoje pela manhã. Depois de ter sido atropelado, ficou internado por aproximadamente uma semana, decaiu nesse processo, foi entubado, para continuar respirando, e finalmente morreu.

É estranho como Crime e Castigo em horas parece tão real, sob seu aspecto cruel, em outras lembra um pesadelo de fatos cinicamente encadeados.

Acho que leio lentamente porque é um livro quase que intolerável.

Gourmet
A Senhoria
A Senhoria

Mensagens : 665
Data de inscrição : 20/09/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por tmanfrini em Sex Fev 03, 2012 6:18 pm

Sinto muito pela sua perda, Gourmet...

tmanfrini
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 1513
Data de inscrição : 29/09/2011
Idade : 24
Localização : Navegantes - SC

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por Mat em Sex Fev 03, 2012 9:43 pm

Meus sentimentos sinceros também, Gourmet...

Mat
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 2968
Data de inscrição : 12/07/2011
Idade : 26
Localização : Bahia

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por Karenina em Sab Fev 04, 2012 3:15 pm

Meus pêsames, Gourmet!

Karenina
Crime e Castigo
Crime e Castigo

Mensagens : 870
Data de inscrição : 19/09/2011
Idade : 28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por Becco em Sab Fev 04, 2012 5:29 pm

Dostoiévski reflete bem esses momentos de perda e de absurdo, quando a realidade cotidiana nos é tirada de sob os pés com um golpe.

Nesta semana, também fiquei muito abalado com o suicídio de um amigo nosso, o desenhista Al Rio, e logo fui ao Memórias do Subsolo pra encontrar não conforto, mas eco pros meus sentimentos naquelas páginas.

Meus pêsames, Gourmet.

A leitura de Crime e Castigo é como o processo de colocar uma tatuagem: você faz por paixão, mas é longo e penoso e deixa uma marca que não vai sair nunca da sua pele.

_________________

Becco
Dostoiévski
Dostoiévski

Mensagens : 2504
Data de inscrição : 11/07/2011
Idade : 37
Localização : Fortaleza - CE

Ver perfil do usuário http://literaturarussa.forumeiros.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por Jabá em Sab Fev 04, 2012 5:43 pm

Gourmet escreveu:Um tio querido morreu hoje pela manhã. Depois de ter sido atropelado, ficou internado por aproximadamente uma semana, decaiu nesse processo, foi entubado, para continuar respirando, e finalmente morreu.

É estranho como Crime e Castigo em horas parece tão real, sob seu aspecto cruel, em outras lembra um pesadelo de fatos cinicamente encadeados.

Acho que leio lentamente porque é um livro quase que intolerável.

Caramba. Meus sinceros pêsames, Flávio.


_________________
"Os livros que o mundo chama de imorais são os livros que mostram ao mundo a sua própria vergonha" (Oscar Wilde)

Jabá
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 3734
Data de inscrição : 06/09/2011
Idade : 36
Localização : Teresina/PI

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por Becco em Sab Fev 04, 2012 5:45 pm

Olha aí, o Jabá sabe o nome do Gourmet!

PS: O do Jabá é Israel, pra quem não sabe.
O meu é... deixa pra lá.

_________________

Becco
Dostoiévski
Dostoiévski

Mensagens : 2504
Data de inscrição : 11/07/2011
Idade : 37
Localização : Fortaleza - CE

Ver perfil do usuário http://literaturarussa.forumeiros.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por Jabá em Sab Fev 04, 2012 5:51 pm

Lorenzo Becco escreveu:Olha aí, o Jabá sabe o nome do Gourmet!

PS: O do Jabá é Israel, pra quem não sabe.
O meu é... deixa pra lá.

O do Gourmet é Flávio Peçonha.

Mas o seu não é Lourenço?

_________________
"Os livros que o mundo chama de imorais são os livros que mostram ao mundo a sua própria vergonha" (Oscar Wilde)

Jabá
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 3734
Data de inscrição : 06/09/2011
Idade : 36
Localização : Teresina/PI

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por Becco em Sab Fev 04, 2012 5:52 pm

É, sim.
O seu agora é Mr. 800 Posts!

_________________

Becco
Dostoiévski
Dostoiévski

Mensagens : 2504
Data de inscrição : 11/07/2011
Idade : 37
Localização : Fortaleza - CE

Ver perfil do usuário http://literaturarussa.forumeiros.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por Jabá em Sab Fev 04, 2012 5:57 pm

Lorenzo Becco escreveu:É, sim.
O seu agora é Mr. 800 Posts!

Prazer. Laughing

Nem percebi. Já me dediquei mais ao fórum. Laughing

_________________
"Os livros que o mundo chama de imorais são os livros que mostram ao mundo a sua própria vergonha" (Oscar Wilde)

Jabá
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 3734
Data de inscrição : 06/09/2011
Idade : 36
Localização : Teresina/PI

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por Gourmet em Dom Fev 05, 2012 9:18 am

Agradeço pela sensibilidade de todos.

As leituras prosseguem. Cheguei no ponto do livro que inspirou esta cena de um Hitchcock, um dos meus favoritos:


Gourmet
A Senhoria
A Senhoria

Mensagens : 665
Data de inscrição : 20/09/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por Jabá em Dom Fev 12, 2012 7:56 pm

Acabei de ler uma reportagem na Piauí de Janeiro com um título pra lá de chamativo: "Dostoiévski em Saquarema".
Mas li, li, li e nada de entender a referência até ler o último parágrafo:
No romance Crime e Castigo, de 1866, Dostoiévski narra o assassinato de uma velhinha usurária por um homem desesperado por dinheiro. Raskólnikov, o assassino, planejara o crime perfeito. Uma das suas primeiras reflexões é que não deve mentir ou esconder da polícia nenhuma informação banal. Revelada, tal informação se torna prova irrefutável do crime. Mas, atormentado pela culpa, Raskólnikov se embaralha e praticamente confessa o crime[...]

Cara, passei a tarde pensando como um cara que assina uma reportagem sem sequer se dar ao trabalho de ler o livro, ou, se leu deve ter sido essa porra de leitura dinâmica e o pior, se leu o livro de cabo a rabo não entendeu porra nenhuma.

Triste.

Fonte: http://revistapiaui.estadao.com.br/edicao-64/anais-do-crime/dostoievski-em-saquarema

_________________
"Os livros que o mundo chama de imorais são os livros que mostram ao mundo a sua própria vergonha" (Oscar Wilde)

Jabá
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 3734
Data de inscrição : 06/09/2011
Idade : 36
Localização : Teresina/PI

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por Gourmet em Dom Fev 12, 2012 10:24 pm

Terminei o livro há 25 minutos e já estou com vontade de reler. Laughing

Gourmet
A Senhoria
A Senhoria

Mensagens : 665
Data de inscrição : 20/09/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por Mat em Dom Fev 12, 2012 11:23 pm

Gourmet escreveu:Terminei o livro há 25 minutos e já estou com vontade de reler. Laughing

Eu achava que só eu ficava com saudades dos personagens do Crime e castigo haha

Mat
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 2968
Data de inscrição : 12/07/2011
Idade : 26
Localização : Bahia

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por Gourmet em Seg Fev 13, 2012 3:20 am

Lorenzo Becco escreveu:
Quando termina de ler, já dá vontade de reler!
Gourmet escreveu:Terminei o livro há 25 minutos e já estou com vontade de reler. Laughing
Mat escreveu:Eu achava que só eu ficava com saudades dos personagens do Crime e castigo haha
Laughing

A obra é feita da mais pura genialidade, não há como não ter saudades da voz dos personagens. É também um livro muito forte, feito de personagens muito reais e de fantasmas, costurado com uma narrativa virtuosa e muito cinematográfica.

O tempo anormal de leitura me gratificou. Eu praticamente construí mentalmente cada cena, seguindo a fluidez descritiva do Dostoiévski. Vi a face de vários personagens, mas fui incapaz de enxergar a de Raskolnikov.

Fiz várias notas, marquei diversos trechos, por suas singularidades. O problema é que a partir de certo ponto do livro, as frases memoráveis ocorrem a cada página. Neste ponto, lá pela página 280 mais ou menos, eu desisti de marcar.

Agora, relendo o tópico e as postagens, em especial as do Becco. Antes tive que ir me esquivando dos spoilers do livro, o melhor que eu sabia era da morte da velha.

Há uma nota particularmente interessante da Natasha, sobre a forma como Ródia é acolhido pelas outras pessoas. Acho que isso é digno de consideração e avaliação séria, porque realmente acontece isto e contribui para o constante ambiente onírico do livro.

O livro justifica buscar as referências e inspirações do Dostoiévski. Provavelmente lerei alguma biografia pequena e, espero, o próximo livro dele será Irmãos Karamazov, salvo alguma outra recomendação dos especialistas. Antes disso ainda virá Juliano, de Gore Vidal, mas somente em junho. Até lá estarei lendo guias da Inglaterra e Escócia e aprimorando o inglês com Sherlock Holmes, Dickens e Mr. Hyde. Wink

Gourmet
A Senhoria
A Senhoria

Mensagens : 665
Data de inscrição : 20/09/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por João Peres em Seg Fev 13, 2012 6:23 am

Essa obra do Dostoiévski é excelente...

O autor nos mostra que Rodion Românovitch Raskólnikov somos todos nós, seres humanos, feitos de virtudes e misérias!

João Peres
Noites Brancas
Noites Brancas

Mensagens : 12
Data de inscrição : 10/01/2012
Localização : Goiás

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por Jabá em Seg Fev 13, 2012 8:01 am

Gourmet escreveu:Terminei o livro há 25 minutos e já estou com vontade de reler. Laughing



Finalmente, Gourmetzaço! Laughing

Cara, não senti vontade de reler porque fiquei muito deprimido e com os nervos à flor da pele. Passei uns dias meio que refletindo e sem vontade de ler mais nada. Mas com o tempo fui me recuperando e a vontade veio surgindo aos poucos, principalmente com a possibilidade de reler em tradução direta. Tenho planos pra obra pra maratona de literatura russa do ano que vem.

E quanto às indicações, não deixe passar batido:



Não vou recomendar mais nada de obras "intensas" porque ainda não li as principais.

_________________
"Os livros que o mundo chama de imorais são os livros que mostram ao mundo a sua própria vergonha" (Oscar Wilde)

Jabá
Guerra e Paz
Guerra e Paz

Mensagens : 3734
Data de inscrição : 06/09/2011
Idade : 36
Localização : Teresina/PI

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crime e Castigo [Преступле́ние и Hаказа́ние]

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 7:01 pm


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 4 de 8 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum